NOTÍCIAS

Últimas Notícias

25/08/16

Na véspera do julgamento pelo Senado, Dilma diz que há um golpe em andamento

Brasília - A presidente afastada Dilma Rousseff participa de Ato da Frente Brasil Popular (Wilson Dias/Agência Brasil)

Na véspera do início do seu julgamento por crime de responsabilidade pelo Senado Federal, nesta quinta-feira (25) às 9h, a presidenta afastada Dilma Rousseff discursou paraum teatro lotado, no Sindicato dos Bancários de Brasília, na noite desta quarta-feira (24), e repetiu que há um golpe em andamento no Brasil e que ela está sendo punida mesmo sem ter cometido crimes: “Estão me condenando por algo fantástico, um não crime. Eu não cometi crime.”
Dilma disse que, ao analisar e refletir sobre os motivos que levaram a esse processo de impeachment, concluiu que é o resultado de quatro derrotas sistemáticas da oposição nas quatro últimas eleições presidenciais: “Na quarta, entornou o caldo para eles, quando eu fui reeleita”. A partir daí, segundo ela, teve início a tentativa de impor ao país uma eleição indireta, feita pelo Congresso Nacional. “É disso que se trata. Na eleição direta, milhões discutiram o programa. Na indireta, só 81 discutem o programa. É isso que foi feito no nosso país e não podemos concordar”, afirmou.
Dilma argumentou que novas eleições são a única maneira de combater a “ruptura democrática” que está em curso no país: “Vai ser necessária uma eleição para recompor todas as instâncias democráticas de nosso país. É impossível não ver criticamente uma coisa: estão tentando substituir um colégio eleitoral de 110 milhões de pessoas, os brasileiros que votam, por um colégio de 81 senadores”, disse.
A presidenta afastada destacou que, a cada eleição presidencial, os brasileiros discutem as principais pautas que o país tem que enfrentar e que foi com base nessa discussão “que atinge todos os recantos”, que ela foi eleita democraticamente em 2014.
Dilma disse que “sem sombra de dúvida” é possível concluir que os votos que recebeu foram a favor da política de valorização do salário mínimo, de programas sociais como o Prouni, o Fies e outros de inclusão baseada em cotas, pelo modelo de partilha do pré-sal, a favor do Bolsa Família, do Mais Médicos e de outras políticas sociais, projeto diferente do defendido pelo presidente interino Michel Temer.

Dilma também destacou que o grupo que está no poder tem anunciado a adoção de medidas impopulares, que não foram aprovadas nas urnas. Sobre as críticas recebidas por ter apresentado sua defesa no Congresso e no Supremo, apesar de sustentar que o processo é um golpe, Dilma disse que continua respeitando as instituições democráticas: “Nós respeitamos as instituições, não os golpistas – é diferente – e temos que saber viver em um regime democrático e temos usados todos os instrumentos para resgatara democracia no país”.
“Votamos contra as políticas tradicionais que estamos vendo que, primeiro sorrateiramente e depois, de forma descarada, tomaram conta do debate político no nosso país e agora se apresentam como solução para os problemas do país.” Como exemplo, citou a PEC 241, que pretende congelar os gastos da educação e da saúde em termos reais por vinte anos, o que, segundo ela, significa a redução do gasto em educação e da saúde e que vai comprometer a qualidade dos serviços.
Em sua fala, a presidenta afastada argumentou que a democracia no Brasil “não caiu do céu e não surgiu do nada” e lembrou que nesta quarta-feira (24) faz 62 anos que o suicídio do presidente Getúlio Vargas, segundo ela, impediu uma ruptura democrática no país. Segundo Dilma, Vargas suicidou-se porque “queria preservar a democracia no nosso país e sabia que ela estava em risco naquele momento. E ele adiou o golpe por muito tempo”, avalia. “Hoje, eu não tenho de renunciar nem me suicidar, não tenho que fugir pro Uruguai, é outro momento histórico”, afirmou.
Dilma fechou o discurso dizendo que na vida “a gente sempre tem que lutar” e que esse processo de impeachment mostrou para ela que não existe democracia garantida: “Eu achei, em determinado momento da minha vida, que nunca mais eu ia ver processos arbitrários, que eu nunca mais ia ver rupturas democráticas e golpes de estado, e estou vivendo um de forma bastante intensa”. Segundo Dilma, da mesma forma que lutou contra a ditadura militar, vai continuar lutando para aprofundar a democracia no Brasil.
O Ato em Defesa da Democracia foi convocado pela Frente Brasil Popular e reuniu representantes de movimentos sociais e centrais sindicais, além dos ex-ministros de Dilma, Eleonora Menicucci, Míriam Belchior, Jaques Wagner, Patrus Ananias e Miguel Rosseto.
Julgamento
Para que Dilma seja afastada em definitivo do mandato de presidenta da República, são necessários dois terços dos votos, ou seja, no mínimo 54 dos 81 senadores. Neste caso, Dilma fica inelegível por oito anos e o vice-presidente Michel Temer, atual presidente interino, assume definitivamente o cargo de presidente, para completar o mandato até 2018. Se o mínimo necessário para o impeachment não for alcançado, a presidenta retoma o mandato e o processo no Senado é arquivado.

Agencia Brasil

Senado começa a julgar hoje processo de impeachment de Dilma

Brasília - Plenário do Senado antes do inicio da Ordem do dia (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

O julgamento do processo de impeachment da presidenta afastada Dilma Rousseff começa hoje (25) às 9h com o depoimento de testemunhas. Serão ouvidas inicialmente as duas testemunhas arroladas pela acusação: o procurador do Ministério Público no Tribunal de Contas da União (TCU),  Júlio Marcelo de Oliveira, e o auditor do TCU Antônio Carlos Costa D'Ávila.
Em seguida, a previsão é de que sejam ouvidas duas das seis testemunhas arroladas pela defesa. Os advogados de Dilma Rousseff convocaram o ex-ministro da Fazenda Nelson Barbosa, o economista Luiz Gonzaga Belluzzo, a ex-secretária de Orçamento Federal Esther Dweck, o ex-secretário executivo do Ministério da Educação Luiz Cláudio Costa, o professor de direito da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (Uerj) Ricardo Lodi Ribeiro e o professor de direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) Geraldo Prado.
Amanhã (26) deverão ser ouvidas as quatro últimas testemunhas. Se não houver tempo de ouvir as quatro primeiras até a noite de hoje, os depoimentos de uma parte delas podem ser transferidos para esta sexta, fazendo com que a primeira fase do julgamento seja concluída somente no fim de semana.

Na segunda-feira (29),  às 9h, começará o depoimento da presidenta afastada Dilma Rousseff. Ela poderá falar livremente por 30 minutos e depois ficará à disposição para responder às perguntas dos senadores.
Os senadores poderão fazer perguntas à vontade, mas os líderes da base aliada do presidente interino Michel Temer já orientaram os demais parlamentares a evitar perguntas repetidas e a dar preferência para as lideranças partidárias, de modo a tentar agilizar os depoimentos.
Após o depoimento de Dilma, começará o debate entre a defesa e a acusação.  Os advogados da acusação começarão falando por uma hora e 30 minutos. Depois será a vez de a defesa falar por igual período. Pode haver ainda réplica e tréplica de uma hora cada.
Na terça-feira (30), os senadores devem começar a discutir se Dilma praticou crime de responsabilidade. Cada um dos inscritos terá 10 minutos para falar, sem direito a prorrogação.
Ao final, o presidente do Supremo Tribunal Federal, Ricardo Lewandowski, questionará os parlamentares se eles consideram que a presidenta afastada cometeu crime de responsabilidade por editar decretos de suplementação orçamentária e por tomar empréstimo de instituição comandada pela União. Dois senadores favoráveis e dois contrários farão encaminhamentos por cinco minutos cada e o painel será aberto para a votação.
A votação será aberta e nominal. A expectativa é de que o resultado seja divulgado na noite de terça, mas o julgamento pode se prolongar até quarta -feira.

Agencia Brasil

19/08/16

BRASIL PERDE PARA O CANADA POR 2 A 1

Logo EBC

TSE contabiliza mais de 503.200 candidatos para as eleições municipais de 2016


O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já soma mais de 503.200 candidatos registrados para disputar as eleições deste ano. As eleições municipais serão realizadas em outubro para os cargos de prefeito, vice-prefeito e também de vereador.

De acordo com os dados do Tribunal, o número de candidatos a prefeitos que apresentaram o registro de candidatura até agora chega a 17 mil. Para o cargo de vice-prefeito, a quantidade chega a pouco mais de 17 mil candidatos. Já para vereador já são mais de 469.200 candidatos.

O estado de São Paulo tem 85.811 mil registros para os três cargos até o momento. Em segundo lugar, em número total de registros, está Minas Gerais com 80.800. O estado com a menor quantidade de registros, até o momento, é Roraima, com 1.813.

Agencia Brasil

Nadador Ryan Lochte pede desculpas após falso relato de assalto

O nadador norte-americano Ryan Lochte teria sido assaltado no Rio. Comitê Rio 2016 não confirma
O medalhista olímpico norte-americano Ryan Lochte divulgou hoje (19) pelas redes sociais um pedido de desculpas "por não ser mais cuidadoso e sincero" ao explicar o que ocorreu no domingo passado (14) após participar dos Jogos Rio 2016.

Lochte e mais três nadadores da equipe dos Estados Unidos haviam dito que tinham sofrido um assalto no Rio. Porém, ontem (18), a Polícia Civil informou que os atletas não foram assaltados e se envolveram em uma confusão em um posto de gasolina. 
"Quero me desculpar por meu comportamento na semana passada - por não ter sido mais cuidadoso e sincero - quando descrevi os acontecimentos daquela manhã cedo [domingo, 14] e por meu papel em levar para longe o foco dos muitos atletas que cumpriam os seus sonhos de participar nos Jogos Olímpicos", disse Lochte em um comunicado.
"Eu queria compartilhar esses pensamentos até que ficasse confirmada a situação jurídica e que ficasse claro que os meus companheiros de equipe estariam chegando em casa com segurança."
Em seu pedido de desculpas, Ryan Lochte disse que a experiência foi "traumática".

Ryan Lochte também reconheceu que "esta foi uma situação que poderia e deveria ter sido evitada". Ele também falou em sua responsabilidade: "Eu aceito a responsabilidade pelo papel [que exerci] neste incidente e aprendi algumas lições valiosas".
"É traumática por ter acontecido com os seus amigos em um país estrangeiro - inclusive com a barreira da língua - e por ter acontecido em um ponto estranho com uma arma apontada para você e pela exigência de dinheiro para deixá-lo sair. Mas, independentemente do comportamento de qualquer outra pessoa naquela noite, eu deveria ter sido muito mais responsável e, por isso, lamento por meus companheiros de equipe, por meus fãs, por meus colegas concorrentes, por meus patrocinadores, e pelos anfitriões deste grande evento ", disse ele no comunicado.
Falso relato
Ryan Lochte afirmou no domingo (14), quando estava ainda no Rio de Janeiro, que ele e três outros nadadores - Gunnar Bentz, Jack Conger e James Feigen - foram roubados em um táxi de manhã cedo enquanto se dirigiam para a Vila Olímpica, após terem saída de uma festa.
Lochte disse, em entrevista à NBC News, na última quarta-feira (17), que os nadadores tinham usado um banheiro em um posto de gasolina e quando eles voltaram ao seu táxi, o motorista não se mexeu. Então dois homens se aproximaram com armas e distintivos e, segundo Lochte, ordenaram que ele e os demais atletas saíssem do carro.
Mas a história contada por eles foi desmentida ontem (18) pelo delegado brasileiro Fernando Veloso. O delegado declarou, no Rio, que os quatro nadadores dos Estados Unidos não foram roubados. Ao desmentir a história, o delegado disse que um ou mais atletas olímpicos dos Estados Unidos agiram como vândalos no banheiro do posto de gasolina. Os atletas quebraram espelhos e danificaram outros objetos, segundo a polícia.
Os atletas tentaram sair do local, mas os seguranças do posto pediram que eles permanecessem até a chegada da polícia. Outra pessoa que estava no local pediu para interceder em favor de uma tentativa de diálogo entre os atletas e os guardas.
Ryan Lochte e Jame Feigen foram indiciados por falsa comunicação de crime depois que fizeram o registro de ocorrência do roubo que não ocorreu. Feigen teve que pagar R$ 35 mil a uma instituição assistencial para poder deixar o Brasil,  informou hoje (19) a Polícia Civil. 
Ontem, Conger e Bentz prestaram depoimento e desmentiram a versão do colega. O Comitê Olímpico dos Estados Unidos (Usoc, sigla em inglês) pediu desculpas ao Rio de Janeiro e aos brasileiros pelo incidente causado pelos nadadores norte-americanos.

Agencia Brasil

14/08/16

Filha de cooperada da COOPERCACHO é destaque em discussão sobre juventude Rural

sandyeva-coopercacho2

Hoje é o Dia Internacional da Juventude e, para tratarmos do tema no contexto do Semiárido, conversamos com alguns jovens que têm buscado melhorias na região onde vivem. Em 2016, segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), a data destaca os jovens e seu potencial enquanto lideranças no processo de erradicação da pobreza e alcance do consumo e produção sustentáveis.
Sandyeva Francione Silva, de 20 anos, atualmente vive em Campo Redondo, Semiárido potiguar, atuando no fortalecimento da economia solidária e do comércio justo em sua comunidade. Ela integra a Cooperativa Agropecuária Cacho de Ouro (COOPERCACHO), contribuindo para a mobilização da juventude e incentivando a inserção e o reconhecimento dos jovens rurais em outros espaços e entidades.
“Aqui temos os jovens na Rede de Educadores e Educadoras Populares que promovem oficinas e discussões entre outros jovens para reflexões e busca de novas soluções e tecnologias para melhor conviver com o Semiárido. Com oportunidades de oficinas e intercâmbios promovidas, eles têm contato com outras experiências que se encaixam ou podem se adaptar à realidade de cada um, ajudando, por exemplo, na produção e na comercialização”, diz.
A jovem quilombola Marcília Rodrigues de Sousa, de 23 anos, acredita que a presença do jovem no campo é fundamental para manter viva a cultura e a identidade locais. “A juventude resiste. A maioria permanece aqui lutando e isso é importante para nossa cultura, para manter produtiva nossa agricultura. Muitos saem para estudar fora e voltam com a capacitação para melhorar as condições e a sustentabilidade aqui”, destaca.
marcilia-chitara-coomesq
A jovem quilombola Marcília busca valorizar a identidade local e elevar a autoestima dos jovens por meio do conhecimento, da arte e da cultura. Foto: Talentos do Semiárido
Chitara, como é conhecida, é técnica em agropecuária, professora e radialista. Ela integra a Cooperativa Mista de Empreendedorismo e Serviço da Capoeira de Quilombo, com sede na comunidade quilombola Saco/Curtume, em São João do Piauí, e também faz parte da UMT – União de Mulheres do Território Serra da Capivara, uma rede de cooperação com apoio do SEBRAE.
Morador da comunidade Vereda Grande, em Piripá, na Bahia, Denilson Rocha Moura, de 31 anos, reforça que é importante a organização dentro de uma comunidade, para que seja possível conquistar melhores condições de vida no campo. A estruturação das associações e cooperativas da agricultura familiar e economia solidária e a implementação de grupos de fundos rotativos solidários e de bancos de sementes crioulas são alguns dos caminhos que ele destaca. “Dentro das nossas comunidades têm diversas economias que devem ser potencializadas, buscando a valorização do conhecimento empírico”, diz, frisando que o jovem é fundamental nesse processo.
“Temos na juventude um grande anseio de mudança e uma oportunidade de experimentar novas alternativas. Neste sentido, o jovem poderá assumir o papel de protagonista na construção de um Semiárido mais justo e solidário”, acredita Denilson, que é presidente da Cooperativa dos Produtores dos Derivados da Cana de Açúcar e todos os Produtos da Agricultura Familiar e Economia Solidária da Região do Vale do Rio Gavião e Serra Geral (COODECANA) e diretor financeiro da Rede Gavião.
Arlan dos Santos Correia, de 34 anos, do povoado Santo Antônio, em Barra do Choça, Semiárido da Bahia, é técnico em agropecuária e conta que criou um grupo de artesanato com o intuito de formar uma associação para que as pessoas possam produzir as peças por meio de suas habilidades e vender para ajudar nas despesas. Ele acredita que a economia solidária e o comércio “contribuem para o crescimento do comércio local e para a qualidade de vida da região”, diz.
arlan-dos-santos2
Arlan acredita na força do protagonismo juvenil no campo. Foto: Talentos do Semiárido
Sobre a importância dos jovens no contexto do Semiárido, comenta: “eles têm uma capacidade grande de pensar e planejar, têm muita energia e é preciso utilizar isso de forma positiva no campo. Eu percebo os jovens preocupados e doando um pouco de si em prol do outro, mas é preciso mais incentivo”.
Essas e outras experiências podem ser conferidas, de forma mais detalhada, na plataforma digital Talentos do Semiárido, parceria entre a Procasur e o Programa Semear (FIDA/IICA/AECID). Para isso, basta acessar  www.portalsemear.org.br.
A data para celebrar o Dia Internacional da Juventude foi escolhida por resolução da Assembleia Geral da ONU em 1999, como resposta à recomendação da Conferência Mundial de Ministros Responsáveis pela Juventude, realizada de 08 a 12 de agosto do ano anterior.
Números
De acordo com dados do Censo de 2010 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), os jovens brasileiros ocupam, hoje, um quarto da população do País. São cerca de 51,3 milhões de jovens de 15 a 29 anos – 84,8 % nas cidades e 15,2 % no campo.
O gráfico abaixo, do Censo Demográfico para o Semiárido Brasileiro, do Instituto Nacional do Semiárido (INSA), mostra que nas regiões semiáridas do Brasil é grande a presença de pessoas entre 19 e 29.
gráfico

Portal Semear

Confira dez destaques deste domingo para acompanhar nos Jogos Olímpicos

O homem mais rápido do mundo, Usain Bolt, tenta seu sétimo ouro olímpico neste domingo (14) nos 100 m rasos. Após uma lesão na seletiva africana dias antes do inícios dos Jogos do Rio, o jamaicano ainda é uma incógnita nessa Olimpíada.
O americano Juntin Gatlin, 34, é o adversário que pode surpreender o maior velocista de todos os tempos.
Já o Brasil tem chance de garantir medalha com Robson Conceição. O pugilista disputa a semifinal do boxe contra o cubano Lazaro Alvarez e uma vitória já lhe dá ao menos uma prata.
Quem também pode ficar perto de uma medalha são as duplas do vôlei de praia. Agatha e Barbara, e Larissa e Talita entram em quadra contra russas e suíças, respectivamente, e podem chegar às semifinais.
Brazil's Barbara Seixas de Freitas, left, and teammate Agatha Bednarczuk celebrate after beating China in a women's beach volleyball match at the 2016 Summer Olympics in Rio de Janeiro, Brazil, Friday, Aug. 12, 2016. (AP Photo/Marcio Jose Sanchez) ORG XMIT: OBVL315
Barbara e Agatha comemoram ponto sobre chinesasMarcio Jose Sanchez/Associated Press
*
1. Golfe
Após 112 anos de ausência, golfe define o pódio hoje
Serviço: 7h30 (SporTV 15)
2. Atletismo
Por que ver? Marily dos Santos, Adriana Aparecida e Graciete Santana correm os 42,195 km da maratona feminina
Serviço: 9h30 (SporTV 2 e Fox Sports 2)
Atletismo
Semifinal dos 100 m é a seletiva final para a prova do homem mais rápido dos Jogos Olímpicos
Serviço: 21h (SporTV 6 e ESPN)
Atletismo
FINAL DOS 100 M. Em Pequim-2008 e Londres-2012, o jamaicano Usain Bolt assombrou o mundo. Será que repete o feito nesta noite?
Serviço: 22h25 (SporTV 6 e ESPN)
2016 Rio Olympics - Athletics - Preliminary - Men's 100m Round 1 - Olympic Stadium - Rio de Janeiro, Brazil - 13/08/2016. James Dasaolu (GBR) of Britain, Usain Bolt (JAM) of Jamaica and Richard Thompson (TTO) of Trinidad and Tobago compete. REUTERS/Lucy Nicholson FOR EDITORIAL USE ONLY. NOT FOR SALE FOR MARKETING OR ADVERTISING CAMPAIGNS. ORG XMIT: CVI1923
Usain Bolt durante eliminatórias dos 100 m rasosLucy Nicholson/Reuters
3. Handebol
MONTENEGRO X BRASIL
No último jogo da 1ª fase, rival é a mais fraca da chave em que estão as brasileiras
Serviço: 9h30 (Record, SporTV, ESPN e Fox Sports)
4. Boxe
ROBSON CONCEIÇÃO X LAZARO ALVAREZ (CUB). Quem vencer o combate entre o brasileiro e o cubano disputará a medalha de ouro no peso ligeiro (60 kg).
Serviço: 12h30 (SporTV 8, ESPN e Fox Sports 2)
Robenilson de Jesus luta no peso galo (56 kg) Stevenson Shakur, dos EUA
Serivço: 12h15 (SporTV)
Michel Borges luta para garantir pelo menos o bronze. Para isso precisa vencer no peso meio-pesado (81 kg) o cubano Julio Cesar La Cruz
Serviço: 13h45 (SporTV 8)
Andreia Bandeira estreia contra a panamenha Atheyna no peso médio feminino (69 a 765 kg)
Serviço: 17h (SporTV 8)
Joedison Teixeira enfrenta o turco Batuhan Gozgec pelo peso meio-médio (64 kg)
Serviço: 19h (SporTV 8)
Joedison De Jesus Teixeira of Brazil (L) competes against Yasnier Toledo of Cuba (R) in a Men's Light Welterweight Bout during the 2015 Pan American Games July 22, 2015 in Toronto, Canada. AFP PHOTO / KEVIN VAN PAASSEN ORG XMIT: kvp
Joedison durante confronto contra Yasnier Toledo, de CubaKevin van Paassen - 22.jul.2015/AFP
5. Vela
Em dia de provas nas classes 470, finn, nacra 17 e RS:X, Patrícia Freitas e Ricardo Winicki disputam as regatas da medalha na classe RS:X
Serviço: 13h05 (SporTV 6)
6. Ginástica artística
Às 14h, Diego Hypólito e Arthur Nory disputam a final do solo, que reúne os oito melhores da fase de classificação.
Serviço: 14h (SporTV e ESPN)
Às 14h44 e às 16h14, será a vez de assistir se a norte-americana Simone Biles irá confirmar o favoritismo nas finais do salto e das paralelas assimétricas.
Serviço: 14h44 e 16h14 (SporTV e ESPN)
Às 15h29, a final do cavalo com alças marcará mais um confronto entre o ucraniano Oleg Verniaiev e o britânico Max Whitlock
Serviço: 15h29 (SporTV e ESPN)
2016 Rio Olympics - Artistic Gymnastics - Preliminary - Men's Qualification - Subdivisions - Rio Olympic Arena - Rio de Janeiro, Brazil - 06/08/2016Diego Hypolito (BRA) of Brazil cries during the men's qualifications. REUTERS/Dylan Martinez FOR EDITORIAL USE ONLY. NOT FOR SALE FOR MARKETING OR ADVERTISING CAMPAIGNS. ORG XMIT: OLYGK197
Diego Hypólito se emociona durante eliminatória Dylan Martinez/Reuters
7. Vôlei de praia
As duplas femininas do Brasil disputam neste domingo um vaga nas semifinais nas areias de Copacabana
Larissa e Talita enfrentam as suíças Nadine Zumkehr e Joana Heidrich
Serviço: 17h (Sportv 2)
Agatha/Barbara pega a dupla russa Birlova/Ukolova
Serviço: 23h (Sportv 2)
8. Polo aquático
BRASIL X HUNGRIA. Nesta última rodada, a seleção masculina do Brasil disputa com Grécia e Hungria a liderança da chave
Serviço: 20h50 (SporTV 2 e Fox Sports 2)
9. Vôlei
BRASIL X RÚSSIA. A partida entre as seleções femininas vale a liderança do grupo e teoricamente um confronto mais fácil nas quartas de final
Serviço: 22h35 (Globo, Record, SporTV, Fox Sports e ESPN Brasil)
Brazil's Fernanda Rodrigues spikes the ball as South Korea's Kim Yeon-koung, left, and Yang Hyo-jin right, block during a women's preliminary volleyball match at the 2016 Summer Olympics in Rio de Janeiro, Brazil, Friday, Aug. 12, 2016. (AP Photo/Matt Rourke) ORG XMIT: OVOL253
Lance da partida entre Brasil e Coreia do Sul pelos Jogos OlímpicosMatt Rourke/Associated Press
10. Basquete
EUA x FRANÇA. Os astros da NBA voltam à quadra após a vitória apertada sobre a Sérvia.
Serivço: 14h15 (SporTV 2 e ESPN Brasil)

Bombeiros da Paraíba publica edital para o CFO 2017

Candidatos têm que fazer o Enem, que se trata da etapa intelectual. Inscrições vão ser feitas de 17 de agosto a 21 de setembro.
O Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba publicou, no Diário Oficial do Estado deste sábado (13), o edital para preenchimento de vagas do Curso de Formação de Oficiais (CFO BM) de 2017. Estão sendo oferecidas oito vagas. As inscrições estarão abertas das 9h do dia 17 de agosto até as 9h do dia 21 de setembro e poderão ser feitas no site dos Bombeiros.

De acordo com o edital, para participar das etapas complementares atinentes ao CFO, o candidato deve estar obrigatoriamente inscrito para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2016) e efetuar pagamento da taxa de inscrição, no valor de R$ 50. Esse valor será utilizado para custear as despesas com a preparação, organização e realização dos Exames Complementares de responsabilidade do Corpo de Bombeiros, com exceção dos laboratoriais, que deverão ser custeados pelos candidatos.

A isenção do pagamento da taxa de inscrição poderá ser solicitada, no período de 17 a 24 de agosto de 2016, pelos doadores de sangue na Rede Hospitalar Pública ou conveniada ao Sistema Único de Saúde (SUS) na 
Paraíba, devendo estes preencher os requisitos exigidos em edital.

Como fase intelectual do concurso serão utilizadas as notas do Enem 2016, a ser realizado pelo Instituto Nacional de Estudo e Pesquisas Educacionais Anísio Texeira (Inep), nos dias 5 e 6 de novembro. Já os exames complementares, que compreendem as demais etapas do concurso, vão conter exames Psicológicos, de Saúde e de Aptidão Física - realizados apenas com os candidatos habilitados no exame intelectual.

O ingresso no Curso de Formação de Oficiais se dá na graduação de praça especial, como cadete. Ao término do curso, com aproveitamento, o concluinte é declarado aspirante a oficial Bombeiro Militar. Após estágio probatório, de no mínimo seis meses, o aspirante é promovido ao posto de 2º tenente, ingressando no Quadro de Oficiais Combatentes do Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba. Ao término do curso, o cadete do CFO que tiver a 1ª colocação no somatório das médias dos três anos do curso, será promovido ao posto de 2º tenente na data que for declarado aspirante a oficial, independente do estágio probatório
.
tópicos:

'Estudei e voltei para ajudar', diz filho de assentado sobre produção agrícola

Rogério Oliveira trabalha ajudando as famílias do assentamento onde mora, em Jacaraú (Foto: Arquivo pessoal/Rogério Oliveira)
“Saí do assentamento, fui para a universidade, estudei e voltei mostrar que os assentamentos geram impacto na sociedade”. Rogério Leandro de Oliveira tem 32 anos e mora no projeto de assentamento Jaracateá, na cidade deJacaraú, no Litoral Norte da Paraíba. Filho de assentados, ele cresceu no assentamento considerado um dos mais pobres do Brasil pela superintendência do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) na Paraíba.
Coordenador na Cooperativa da Agricultura e Serviços Técnicos do Litoral Paraibano (Coasp) e integrante da Comissão Pastoral da Terra, Rogério Oliveira lembra que a cidade grande depende diretamente da produção agrícola dos assentamentos e destaca que a melhoria da produção agrícola passa pela formação acadêmica dos assentados. “Consegui me formar em um curso técnico em agricultura em Sousa, depois em Ciências Agrárias pela UFPB e, em 2014, terminei uma pós-graduação em Agricultura Familiar Camponesa e Educação do Campo. Esse conhecimento acumulado me deu a oportunidade de voltar para o assentamento onde fui criado e tocar a cooperativa que abastece João Pessoa”, comentou.
O início da caminhada acadêmica de Rogério Oliveira só foi possível a partir do Programa Nacional de Educação na Reforma Agrária (Pronera), que completa 18 anos em 2016. O assentado explica que o curso técnico oferecido pelo Pronera permitiu que ele enxergasse a própria responsabilidade em aprimorar e melhorar a subsistência dos seus pais, em valorizar o trabalho feito nos assentamentos e nos movimentos de luta pela reforma agrária.
Desde a sua criação no estado, em 1999, um ano depois da criação nacional, o Pronera formou 3.551 alunos em 23 cursos. São oferecidos pelo programa cursos de Educação de Jovens e Adultos (EJA), nas modalidades de alfabetização e escolarização dos anos iniciais; cursos técnicos profissionalizantes nas áreas de agropecuária, zootecnia, agroindústria e enfermagem; cursos normais de nível médio (magistério); cursos de graduação de licenciatura em história, ciências agrárias e pedagogia; e cursos de pós-graduação em residência agrária.“O curso técnico do Pronera me abriu para uma visão diferente do mundo, fez com que eu participasse ativamente nas decisões politicas e sociais de minha região, fazendo com que contribuísse para assessoria direta de outras famílias e servisse de exemplo na animação para que outros jovens sigam também por esse caminho”, ressaltou. Conforme levantamento feito pelo Incra, até maio de 2016, 176 alunos estão estudando algum tipo de curso pelo Pronera na Paraíba.
O ingresso nos cursos do Pronera acontece por meio de processo seletivo diferenciado destinado apenas a assentados da reforma agrária e do Programa Nacional de Crédito Fundiário (PNFC) e seus dependentes, além de agricultores acampados, quilombolas, famílias de comunidades extrativistas e professores e educadores com atuação em áreas da reforma agrária. Para os cursos superiores, o público que pode participar da seleção é o mesmo, mas a seleção utiliza atualmente as notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).
Horta do Jaracateá é cuidada a partir dos ensinamento teóricos aprendidos pelos egressos do Pronera (Foto: Arquivo pessoal/Rogério Oliveira)Horta do Jaracateá é cuidada a partir dos ensinamento teóricos aprendidos pelos egressos do Pronera (Foto: Arquivo pessoal/Rogério Oliveira)
Produção
A especialização do trabalho agrícola nos assentamentos tem gerado uma participação significativa no mercado de alimentos nas cidades. Conforme levantamento feito pelo Incra na Paraíba, boa parte dos alimentos produzidos nos assentamentos servem para abastecer 40 feiras agroecológicas, além das Ceasas de João Pessoa e de Recife, em Pernambuco. 
Ainda de acordo com o Incra, cerca de 70 assentamentos paraibanos fornecem alimentos ao Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), na modalidade de Compra com Doação Simultânea, da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab/PB). O PAA é uma forma de incentivar ainda mais a produção nos assentamentos da reforma agrária e fornecer alimentos de boa qualidade para a população de asilos, abrigos, creches e insituições filantrópicas.
Pronera formou mais de 3.500 assentados e filhos de assentados desde 1999 (Foto: Divulgação/Incra-PB)Pronera formou mais de 3.500 assentados e filhos
de assentados (Foto: Divulgação/Incra-PB)
No caso do assentamento Jaracateá, onde Rogério Oliveira vive com a família, parte da produção também é vendida pela internet para residências em João Pessoa. Ele conta que desenvolveu com a cooperativa um sistema de pedidos pela internet e entrega em domicílio dos alimentos produzidos no assentamento. “Além da participação nas feiras, entregamos os alimentos nas casas. Vivemos em um cenário em que a cidade depende diretamente da produção agrícola de assentados”, completou.
Casado com Alexsandra, uma das colegas de Pronera que se formou em pedagogia, e ao lado dos pais e da irmã, Rogério Leandro de Oliveira garante que a qualificação técnica e a busca por mais conhecimento foi fundamental na evolução da produção agrícola na comunidade em que vive.
“Percebo que minha formação, sendo filho de assentados, me deu a oportunidade de voltar a ajudar, continuar produzindo com meus pais, prestando assessoria técnica a outros assentamentos. Essa é a nossa saída, juntar o saber teórico, buscando nas academias, e aliar isso ao trabalho e a vivência dos agricultores. É dessa forma que vamos ajudar a acabar com o preconceito e gerar um impacto ainda maior nas cidades”, concluiu.
Reforma agrária na Paraíba
De acordo o Incra, a Paraíba contava até maio de 2016 com 308 assentamentos. A maior parte dos deles, 191, localizados na região conhecida como semiárido paraibano. Aproximadamente 14.529 famílias vivem nesses assentamentos, que correspondem a uma área  288.942 hectares, equivalente a aproximadamente 5,11% do território da Paraíba.

G1 PB

Suspeito de matar socorrista do Samu no RN é encontrado morto

G1
Ana D’ávila Gomes de Oliveira (Foto: Arquivo Pessoal)
Um corpo foi encontrado na zona rural de Lajes Pintadas, no interior do Rio Grande do Norte, na noite desta sexta-feira (12). A Polícia Militar confirmou que o corpo é do suspeito de matar a facadas a socorrista do Samu Ana D'ávila Gomes de Oliveira na última quarta-feira (10), em Santa Cruz.
De acordo com o delegado Silva Junior, o corpo de Josinaldo Gomes da Silva, vulgo 'Vaqueiro', tinha sinais de disparos de arma no peito. No local foi apreendida uma pistola, ao lado do cadáver. O delegado solicitou perícia, mas afirmou que existem indícios de suicídio.
O crime
A técnica em enfermagem Ana D'ávila Gomes de Oliveira, de 47 anos, foi assassinada a facadas na noite desta quarta-feira (10) em Santa Cruz, a pouco mais de 110 quilômetros de Natal. Ela trabalhava como socorrista do Samu na cidade. Desde o inícios das investigações, a polícia apontava o ex-companheiro da vítima como principal suspeito do crime.

Projeto permite que detentos cultivem frutas e verduras em presídio da Paraíba

alimentação jpe
Um projeto de ressocialização que vem sendo realizado dentro do Presídio Padrão de Campina Grande está trazendo mais qualidade na alimentação e oportunidade de ocupação de tempo para os apenados da unidade. No local, eles cultivam frutas, verduras, legumes e ajudam no tratamento de animais que são criados em um terreno do complexo.

Segundo o diretor do presídio, Lenni Sucupira, o projeto começou a dar frutos logo nos primeiros dias, com o tratamento do solo e a percepção dos apenados de que a iniciativa vem servindo para que eles tenham uma nova chance.

“A gente vem desenvolvendo essas ações tanto para melhorar a alimentação dos apenados, que comem o que eles plantão e cuidam, como para poder ocupar melhor o tempo ocioso que eles passam aqui na unidade. O plantio é feito dentro da dependência do presídio. São frutas, verduras e legumes colhidos e servidos nas refeições”, disse Lenni Sucupira.

Ainda segundo o diretor, os apenados também auxiliam no tratamento e cuidado de alguns porcos criados em um terreno próximo ao complexo penitenciário. Lá, eles alimentam e limpam os animais e o local de criação.

“Algumas pessoas não gostam dessas ações e acham errado quando colocamos presos para trabalhar. Assim como as frutas e verduras, os porcos são muito bem cuidados. Temos a intenção de ampliar essas ações e trazer carneiros e outros animais para que os apenados possam passar mais tempo em atividades que vão possibilitar uma chance para que quando eles saiam pelo menos possam desenvolver essas mesmas atividades como trabalho formal”, afirmou o diretor.
Portal Curimatau

Policiais do nono Batalhão recuperam mais uma moto roubada em Nova Floresta-PB

Policiais do nono Batalhão recuperam mais uma moto roubada em Nova Floresta-PB

REDE MAIS NOTICIAS
Segundo informações repassadas a reportagem do Rede mais notícias, de que mais uma motocicleta foi encontrada na tarde desse sábado dia 13, nas imediações do conjunto Novo, município de Nova Floresta-PB. A guarnição composta pelos  soldados Cláudio e Guerra Júnior recebeu uma denúncia sobre esta motocicleta e se deslocaram para o local, que constataram que realmente havia a motocicleta abandonada em uma residência, e que essa mesma motocicleta teria sido roubada a cerca de três meses atrás, de uma senhora que reside no bairro conhecido como o bocão na cidade de Nova Floresta-PB.
2g 
 
Copyright © 2013 EDIGAR ABENÇOADO
Criação WebCerto | Loguin